sábado, 27 de fevereiro de 2010

Mas o Tiago disse logo que assumia...

"Para mim estás morta! Ouviste? Morta! Sabes o que é? Sai-me da frente...porca, puta..."

Foram estas as últimas palavras que ouvi da boca dela. Eu fazia-lhe tudo o que podia...tomava conta dos meus irmãos...limpava a casa bué vezes...mas já estava farta! Bêbado! Chamava ela ao meu pai...talvez fosse! Não tanto como ela. Ela para além de bêbeda é má!
Tinha doze anos, quando me apareceu o período a primeira vez. Ela, quando eu corri a dizer-lhe, assustada por não saber o que se estava a passar, disse-me:
"Não sabes o que é? Deixa que não vais morrer! E se morresses, também não se perdia nada...não te ponhas a pau, não...aparece-me prenha...que ponho-te no olho da rua"
Quando olho para eles tenho medo! Tenho medo de os não conseguir tratar como deve ser...são tão pequenos e...frágeis...se pelo menos eu tivesse já os vinte! Se calhar conseguia arranjar trabalho e seria diferente...arrendar uma casa...mas, ainda faltam quatro anos! O Tiago, o meu namorado, ele é tão fixe comigo! Apesar de ainda só ter quinze, é um homem! Foi espectacular...quando ele chegar, tudo vai ser diferente. Lá na Suíça, quando ele me escreveu disse-me, que anda a guardar uma manada de vacas muito grande, e que já juntou seiscentos euros para os nossos meninos. Diz que depois vai fazer uma casa e que vamos viver à grande! O primo dele já lá está há muitos anos. Também guarda vacas. Diz que a manada dele é de vacas melhores...
Os "stores"!...aquilo era uma seca...
Esta cena de gémeos, é que me faz muita confusão!...não sei! São iguaizinhos! Menos a orelhas!
Aqui, há umas que são porreiras, mas outras falam à bruta...O Dr. Luís é fixe!
A senhora Amélia ensinou-me montes de cenas! Ela é muito fixe!
Não, eu não sou essa cena da mãe solteira...está bem que não me casei. Mas o Tiago disse logo que assumia...

© Mário Rodrigues - 2010

3 comentários:

  1. Olá Mário
    Não sei se esta "história" é real ou imaginada. Não me espantaria nada que fosse real, e tal e qual assim!
    Todos os problemas que apontas estão aí, ao virar de cada esquina. Famílias disfuncionais que geram filhos que não cuidam. Adolescentes meninas que pseudo-crescem cedo demais, que vêm numa outra criança a fuga aos problemas, que não passa de uma fuga ilusória. Que lhes dizem não me apareças grávida, mas não lhes explicam o como nem o porquê. Adolescentes com filhos nos braços que descobrem que afinal os bebés não são nenucos e às vezes não são assim tão fixes. E os Tiagos que se esquecem do que disseram.

    Pode, pode ser bem real!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. "Deus nosso Pai, que instruístes os corações dos vossos fiéis, com a luz do Espírito Santo, concedei-nos que no mesmo Espírito conheçamos o que é recto, e gozemos sempre das suas consolações. Por Cristo, Nosso Senhor. Amen."

    Tão bons conselhos me deram...

    Boa peça Mário, andas-te a esmerar...

    ;)

    ResponderEliminar
  3. Por cá vai-se antes dizendo:
    "Por Nosso Senhor Jesus Cristo. Amen."...

    Nem revolta nem pena, apenas trabalho a fazer...

    Um abraço

    ResponderEliminar

…Escrevo, principalmente, por falta de espaço dentro de mim para tantas emoções e tão grandes (para mim). Anseio pelos comentários, porque fico com a sensação de que os pingos de emoção que transbordo caiem em terras fecundas, e coadjuvam o nascimento de novas emoções, e produzem opiniões e contra pontos e desafios… e isso. Isso é “geleia real”, para as nossas vidas…

Mensagens populares